Evidências

A luz é um tipo especial de energia que não necessita de um meio físico para se propagar. A luz do Sol demora aproximadamente oito minutos para chegar à Terra, e viaja 300 mil quilômetros por segundo, no vácuo espacial. Ela é vital para a manutenção da vida no Planeta Terra.

A quantidade de calor emitida pelo sol, a distância que a estrela está da Terra, a inclinação do eixo da Terra e até a velocidade de rotação do planeta resultam em temperaturas apropriadas para a vida humana e na distribuição das estações do ano (que garantem uma vegetação diversificada).

A atmosfera da Terra possui a proporção certa de gases para a manutenção da vida. Os 21% de oxigênio que estão na atmosfera protegem a Terra de grandes quantidades de raios ultravioletas. O crescimento das plantas e as oscilações de temperatura são diretamente influenciados pela quantidade de gás carbônico que há na atmosfera, cerca de 0,03%. Já os 79% de nitrogênio são indispensáveis para a produção de proteína nas plantas, no processo conhecido como ciclo do nitrogênio.

Diferente da nossa atmosfera, as de outros planetas não permitem a manutenção da vida humana. Saturno, por exemplo, é um planeta tão extenso que seu campo gravitacional retém grandes quantidades de hidrogênio e hélio, mas não de oxigênio. Já o planeta Mercúrio é tão pequeno que seu campo gravitacional se quer retém gases.

A crosta da Terra foi planejada para sustentar a vida, e é nela que os seres humanos e os animais se reproduzem. Ela contém os elementos necessários para a manutenção da vida, como hidrogênio, nitrogênio, carbono e oxigênio.

O planeta Terra é o único com água suficiente para sustentar a vida. A água também é o habitat de muitos animais. Em invernos rigorosos, somente a supefície de lagos e rios congelam, formando uma camada de isolamento. Isso ocorre porque a água congelada é mais leve que a líquida, este fenômeno natural permite que a vida nos rios e lagos seja mantida. Segundo o jornalista Michelson Borges, no livro Por que Creio, “se a água não se comportasse dessa forma, os rios, lagos e mares ficariam congelados por inteiro no inverno”.

As plantas foram criadas com o propósito de manter a vida animal, pois convertem gás carbônico e água em oxigênio e nutrientes.

O Sol é essencial para vida na Terra. De acordo com o livro Por que Creio a estrela interfere na dinâmica atmosférica e oceânica, e é fonte na fotossíntese.

A Lua interfere no movimentos das marés oceânicas e sua órbita não permite mudanças na inclinação do eixo do planeta Terra.

Em águas profundas e escuras, golfinhos e baleias usam um sistema de orientação e de comunicação por meio do som, chamado sonar. A precisão desse sistema inspirou a invenção do sonar dos navios.

Por ser pequena, a bactéria pode até parecer um organismo simples, mas sua complexidade mostra que todos os seres vivos foram planejados por Deus. Esse pequeno organismo possui em sua membrana celular um aparato, o flagelo, que produz corrente elétrica ao bombear íons (principalmente de hidrogênio). De acordo com o livro Por que Creio, de Michelson Borges, essa corrente elétrica o faz girar, podendo controlar o deslocamento da bactéria com velocidades variadas.

O Ser Humano foi planejado por Deus com complexidade. O corpo é controlado e coordenado por mais de três trilhões de células nervosas, nove bilhões das quais situadas no córtex cerebral.